Nova molécula HIV expõe lado vulnerável do vírus
24 de maio de 2016
COMPARTILHAR Facebook Twiter Google Plus

Estudo publicado na Proceedings of the National Academy of Sciences sugere uma maneira de contornar as defesas do HIV “abrindo” o vírus , através da ação de uma molécula desenvolvida em laboratório. Como o HIV tem uma forma única de iludir o sistema imunológico, acredita-se que esta técnica pode ser um passo inicial para o desenvolvimento de novas medidas preventivas e, no futuro, eliminação do vírus em pacientes já infectados.
Esses resultados apareceram durante o teste na Universidade de Montreal, no Canadá. Embora esta descoberta ainda está em seus estágios iniciais, a equipe espera através da ação da molécula, denominada de JP -III- 48,  definir as bases para novas medidas de HIV preventivas e possivelmente até mesmo uma maneira de eliminar o vírus das já infectados .
Parte da razão pela qual os cientistas acham tão difícil criar uma vacina para o HIV é que o vírus tem uma forma única de iludir o sistema imunológico. O hospedeiro gera anticorpos contra o HIV, sem um caminho para chegar fisicamente o vírus , é difícil para o corpo humano para montar uma resposta imune eficaz contra ela . Um estudo recente , publicado agora na revista Proceedings, da Academia Nacional de Ciências , sugere uma maneira de contornar as defesas do HIV.

Usuário
PUBLICADO POR
SBI Comunicação
CATEGORIA DO COLABORADOR
ver todos os artigos desse colunista >
OUTRAS NOTÍCIAS
Linfócito T folicular regulador (TFR) – um novo protagonista na progressão tumoral via restrição da eficácia do tratamento com anticorpos contra PD-1
Vânia Bonato
24 de setembro de 2021
Células linfoides inatas do tipo 2: Uma nova perspectiva na terapêutica antitumoral de melanoma
Vânia Bonato
20 de setembro de 2021
Entenda porque pessoas mais velhas possuem maior inflamação e danos em órgãos remotos
Vânia Bonato
17 de setembro de 2021