Nova molécula HIV expõe lado vulnerável do vírus
24 de maio de 2016
COMPARTILHAR Facebook Twiter Google Plus

Estudo publicado na Proceedings of the National Academy of Sciences sugere uma maneira de contornar as defesas do HIV “abrindo” o vírus , através da ação de uma molécula desenvolvida em laboratório. Como o HIV tem uma forma única de iludir o sistema imunológico, acredita-se que esta técnica pode ser um passo inicial para o desenvolvimento de novas medidas preventivas e, no futuro, eliminação do vírus em pacientes já infectados.

Esses resultados apareceram durante o teste na Universidade de Montreal, no Canadá. Embora esta descoberta ainda está em seus estágios iniciais, a equipe espera através da ação da molécula, denominada de JP -III- 48,  definir as bases para novas medidas de HIV preventivas e possivelmente até mesmo uma maneira de eliminar o vírus das já infectados .

Parte da razão pela qual os cientistas acham tão difícil criar uma vacina para o HIV é que o vírus tem uma forma única de iludir o sistema imunológico. O hospedeiro gera anticorpos contra o HIV, sem um caminho para chegar fisicamente o vírus , é difícil para o corpo humano para montar uma resposta imune eficaz contra ela . Um estudo recente , publicado agora na revista Proceedings, da Academia Nacional de Ciências , sugere uma maneira de contornar as defesas do HIV.

Usuário
PUBLICADO POR
comunicação sbi
CATEGORIA DO COLABORADOR
ver todos os artigos desse colunista >

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS
Projeto brasileiro é o único da América Latina selecionado em chamada da Chan Zuckerberg Iniciative
comunicação sbi
21 de maio de 2020
Parecer Científico da Sociedade Brasileira de Imunologia sobre a utilização da Cloroquina/Hidroxicloroquina para o tratamento da COVID-19
comunicação sbi
18 de maio de 2020
SBI participa de reunião virtual da FeSBE sobre a criação da Frente Parlamentar da Pesquisa Biomédica
comunicação sbi
14 de maio de 2020