Imunologistas criam força-tarefa contra a COVID-19
24 de março de 2020
COMPARTILHAR Facebook Twiter Google Plus

A Sociedade Brasileira de Imunologia reforça importância do financiamento a pesquisas

 
Imunologistas lançam Mapeamento Dinâmico que reúne os grupos brasileiros de pesquisa imunológica que estão atuando para encontrar soluções contra a COVID-19, causada pelo Novo Coronavírus (SARS-COV-2). A iniciativa liderada pela Sociedade Brasileira de Imunologia (SBI) propõe uma dinâmica transparente que promova colaborações entre grupos de imunologia e de outras áreas, bem como incentive o aumento do financiamento à pesquisa. 

Ricardo Gazzinelli - Presidente da SBI

 
Segundo Ricardo Gazzinelli, presidente da SBI e pesquisador na Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), é necessário que governos e instituições públicas e privadas olhem para a ciência imediamente. "A comunidade de imunologistas brasileiros está entre as mais respeitadas do mundo, tanto atuando no próprio país, como integrando instituições internacionais. Agora, ela precisa do apoio da sociedade na forma de colaboração tecnológica e investimentos". Gazzinelli lembra ainda que os investimentos não passam somente por instituições, mas é preciso criar a cultura de doações pessoais, como acontece em vários países. 
 
Atualmente, há aproximadamente 20 grupos dedicados ao combate do Novo Coronavírus e novos grupos estão se somando. Eles reúnem centenas de pesquisadores de importantes instituições. As pesquisas focam no desenvolvimento de novos testes, fármacos virais, vacina contra o vírus, ferramentas computacionais para modelos de transmissão, entre outras, mas a rede está aberta para novos temas e linhas de pesquisa, além de compartilhar novos dados e informações sobre o vírus e a pandemia. 
"Além dos grupos, o documento também traz informações de quem se coloca à disposição para colaborar nas pesquisas e conteúdos explicativos sobre o Novo Coronavírus. Já notícias atualizadas podem ser vistas nas redes sociais da SBI", pontua Karina Bortoluci, vice-presidente da Sociedade Brasileira de Imunologia e pesquisadora na Universidade Federal de São Paulo (Unifesp). 

 
Link para Mapeamento: http://bit.ly/3ddxbuR
Facebook SBI: https://www.facebook.com/sbi.imuno/
Instagram SBI: https://www.instagram.com/sbi.imuno/
 
Assessoria de Comunicação SBI
E-mail: comunicacao@sbi.org.br
Telefone: +33 06 38 32 85 57 (WhatsApp)

Usuário
PUBLICADO POR
SBI Comunicação
CATEGORIA DO COLABORADOR
ver todos os artigos desse colunista >
OUTRAS NOTÍCIAS
Células linfoides inatas do tipo 2: Uma nova perspectiva na terapêutica antitumoral de melanoma
Vânia Bonato
20 de setembro de 2021
Entenda porque pessoas mais velhas possuem maior inflamação e danos em órgãos remotos
Vânia Bonato
17 de setembro de 2021
Células mieloides geneticamente modificadas como estratégia para reverter a imunossupressão na metástase
Vânia Bonato
14 de setembro de 2021