Bolsa de pós-doutorado com expertise em Bioinformática/Biologia de Sistemas
26 de julho de 2018
COMPARTILHAR Facebook Twiter Google Plus

Bolsa de pós-doc da CAPES: R$ 4.100,00 (quatro mil e cem reais) para início imediato.

Perfil desejado: Interesse em Biologia e em Biologia de Sistemas e iniciativa para buscar novos conhecimentos. Ter conhecimento/autonomia em programação, uso de técnicas de bioinformática e linguagem R/Python.

Linhas de pesquisas em que atuará: 

Tolerância Operacional (TO) é o fenômeno que ocorre a pacientes que foram transplantados e param de tomar drogas imunossupressoras (em geral por conta própria) mas não rejeitam. Temos um conjunto de dados imunológicos (de diversas naturezas, omics e não omics), muitos já normalizados em banco de dados. Pretendemos realizar análise integrada de dados (ex: análise multivariada, modelagem, machine learning, agrupamento em árvores e florestas, rede Bayseanas, modelos de predição, etc) com o objetivo de formular modelos matemáticos que possam ser úteis para descrever a dinâmica funcional de tolerância operacional e, se possível, propor modelos de predição.

Local de trabalho: Laboratório de Imunologia – Instituto do Coração da Faculdade de Medicina da USP.

Pesquisadora responsável pela linha em Tolerância operacional: Verônica Coelho, médica pesquisadora.

Colaboração em Biologia de Sistemas: Helder Nakaya (FCF-USP) e Helen Arcuri.

Interesse e disponibilidade de início imediato: Enviar currículo e carta de recomendação para Verônica Coelho – vecoelho@usp.br ou veronica.v.coelho@gmail.com Telefone: 2661905.

Usuário
PUBLICADO POR
comunicação sbi
CATEGORIA DO COLABORADOR
ver todos os artigos desse colunista >
VER TAMBÉM
Linfócitos T γδ e IgE se unem para prevenir o desenvolvimento de tumores
de de
Microbiota intestinal a “carta curinga” durante o carcinoma hepatocelular (HCC)
de de
Catecolamina induz mielopoiese no contexto de diabetes
de de